Parece estranho e sem sentido, mas para mim faz muito sentido. Mas é estranho.

maio 24, 2010

Estou em um quarto escuro, sinto medo.Não sei se o medo é por estar no escuro ou de tudo o que estou sentindo estando ali. Pensamentos dentro de mim me assustam, ouço vozes de pessoas, vejo coisas que parecem reais.Mas não são, eu acho.Sinto uma vontade imensa de chorar, e essa vontade me vence aos poucos. Lágrimas rolam no meu rosto.Lembranças do passado está dentro de mim, a tristeza aumenta ao me lembrar. Lembrar de você. Sim, você aparece feito um anjo, mas não, não é pra me salvar, você me observa de longe. -Por que não chega mais perto? -Não vê que estou assustada ?. Algo está errado, disso eu tenho certeza.Me levanto tentando chegar até você, mas a cada passo a frente percebo que você fica cada vez mais longe. - Quero sair daqui ! grito chorando, desesperada, como uma criança que acaba de acordar de um pesadelo. Derrepente vejo você se aproximar. - Será que é real ?. Me toca, mas não sinto nada, não sinto você, isso me deixa desesperada. - O que está acontecendo? Preciso sentir você, só assim ficarei melhor !. Mas derrepente você desaparece, como da ultima vez que estávamos juntos, você me abandona no escuro, assustada e indefesa mais uma vez. Mais uma vez.

Derrepente acordo desesperada. - Como assim ? Foi só um sonho ? - Era tudo tão real. Talvez seja isso, não tem mais volta. O abandono sempre será o mesmo, mas um abandono, mas um desprezo. E você sempre será uma ilusão, somente um sonho dentro de mim, somente um sonho para te-lo por perto. Ou melhor, nem em um sonho posso te-lo por perto. Frustrante.


-Post escrito hoje na escola durante uma aula de geografia, impressionante como a imaginação surge em lugares "estranhos".

Você pode gostar também:

0 comentários

"O escritor é um homem que mais do que qualquer outro tem dificuldade para escrever."