O despercebido.

agosto 18, 2010



Só há lembranças que eu quero esquecer, elas me fazem mal apesar de não existir sentimento algum.

As vezes sinto saudade de momentos que nunca existiram, é mais confortante, afinal os momentos que já vivi só quero esquecer.Mas sinto saudade, as vezes.Carência.
Lágrimas rolam em meu rosto em momentos em que menos imagino que elas possam cair.Lágrimas que por muitas vezes são sem motivo algum.Não tenho certeza.
Sinto um vazio dentro de mim, difícil de ser preenchido.
Sinto que falta alguém, que talvez já possa ter encontrado, ou talvez nunca o encontrará. Está despercebido.

Você pode gostar também:

0 comentários

"O escritor é um homem que mais do que qualquer outro tem dificuldade para escrever."