E as vezes seguir em frente é tão difícil ...

outubro 29, 2010

E as vezes se torna impossível forçar um simples sorriso, impossível ignorar, impossível impedir lágrimas em meu rosto.

Eu por muitas vezes forcei-me a acreditar que havia te esquecido, e por um tempo parecia verdade, mas não, não era, nunca foi. E isso se confirma sempre que te vejo, meu olhar tenta encontrar o seu, seu sorrido causa-me dor. Por que pra você foi tão fácil, e pra mim é tão difícil? É, essa resposta eu já sei ...

... o seu amor acabou, e o meu sempre existiu.

Você pode gostar também:

4 comentários

  1. Flor, eu não sei se isso é real ou fictício, mas eu simplesmente amei /se for real, desculpe por amar a sua dor. x_x'
    Tô me sentindo assim... até já fiz um textinho com o mesmo tema. Vou deixar o link pra vc:

    http://caixinha-de-tudo.blogspot.com/2010/08/tentando-superar.html

    ;*

    ResponderExcluir
  2. Ah... tem hora que o amor acaba, não precisa ser de ambas as partes!
    Amei, ficou lindo e triste!

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Apesar da dura realidade, o texto é lindo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Nayara, poucas vezes me identifiquei com um texto como agora.
    E eu já disse que acho esse papo furado de seguir em frente todo errado e desnecessário, afinal, como você mesma disse no post, não é fácil e o tempo só torna mais suportável. Entende?

    E eu já me fiz a mesma pergunta várias vezes, Por que pra você foi tão fácil, e pra mim tão difícil?
    Talvez seja pela questão do sentimento verdadeiro...


    Beijo linda!

    ResponderExcluir

"O escritor é um homem que mais do que qualquer outro tem dificuldade para escrever."