Eu sou a música.


Eu sou o ritmo perdido, 
os versos sem sentido...

Sou a melodia incompleta, 
a frase inacabada,
as palavras não encontradas...

Sou a música que todos querem ouvir...
querem sorrir,
 querem chorar.

Sou a música que desligam antes de acabar...
porque enjoá,
porque magoa.

Uma música construída por sofrimentos de uma paixão
Eis aqui o refrão.



(O final não ficou muito bom, mas enfim ...)

Instagram