Inevitável.

abril 30, 2011


E eu estava la, na sala de aula, sentada, de cabeça baixa. Poucos sabiam, mas lágrimas desciam de meus olhos de uma forma desesperadora, era inevitável tentar impedi-las.
Todos que me conhecem sabem que eu jamais faria isso se eu conseguisse evitar, nunca gostei de chorar na frente de ninguém, independente de quem fosse, e por qualquer que fosse o motivo. E mais uma vez o mesmo motivo de eu ter feito isso antes, me venceu, mais uma vez.
O professor me chamou, ele estava fechando a nota bimestral.
Nayara? Ta na hora de acordar. -Dizia ele brincando-.
Eu levantei a cabeça, e tentei limpar meus olhos, estavam pretos da maquiagem borrada.
Algumas pessoas olharam para mim, com curiosidade, eu tentei disfarçar, sem ter um bom resultado.
Enquanto tentava limpar meus olhos fiquei pensando nas perguntas que o professor faria: "Você está bem?" "Por que está chorando?" "Está passando mal?" ... Enfim, ele não falou nada disso, apenas olhou para mim e disse:
Você estava dormindo ou chorando? -Estava óbvio que eu estava chorando-. Dei um sorriso tímido, tentando disfarçar.
Então para a minha surpresa, ele disse: -Está apaixonada é?
Então todas as possibilidade de perguntas que ele poderia me fazer foram descartadas.

"Antigamente, amor era um sentimento lindo, hoje em dia, está relacionado a dor."      Christofer Drew

Você pode gostar também:

7 comentários

  1. =O

    Será que ele não poderia ter perguntado isso depois da aula?
    (Lembro que já chorei em sala de aula. mas, era na hora do intervalo...)

    ResponderExcluir
  2. Isso foi verdade?rs.
    Bem linda, gostei *-*
    Já chorei na sala, mas foi por causa de uma amiga minha '-'

    ResponderExcluir
  3. Moça, que coisa linda *--*
    Nunca passei por isso, e nem quero passar. rs'
    Não suporto chorar na frente de ninguém. Choro só pra mim mesma.
    Mais às vezes é inevitavel! =/

    "Vai menina, fecha os olhos. Solta os cabelos. Joga a vida. Como quem não tem o que perder"
    #CaioF.

    beeijoca moça ;*

    ResponderExcluir
  4. Isso me lembrou uma situação que eu passei umas semanas atrás. Quando você chora em um lugar público as pessoas te olham como se você fosse um ser de outro mundo. Dá raiva às vezes --'
    Tem horas que simplesmente não dá pra segurar.
    De qualquer forma, qualquer que tenha sido o motivo das lágrimas, que tudo fique bem :D
    Bgs :*

    ResponderExcluir
  5. Tem professor que é amigo né?
    sinto falta disso!
    Obrigado pelo selo!
    postei lá no blog!
    bjos!

    ResponderExcluir
  6. Eu também nunca passei por uma situação assim, mas exceto pelas pessoas que provavelmente haviam na classe, eu considero um momento especial. Em que ele apenas viu suas lágrimas e já pode lhe entender. Às vezes, tantas explicações não fazem algumas pessoas entenderem, enquanto outras, o silêncio basta.
    Espero também que tudo saia bem para você, e que se estiver mal, se recupere dessas tristezas drepressa.
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  7. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    COMPARTIENDO ILUSION
    NAYARA

    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...




    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE MEMORIAS DE AFRICA , CHAPLIN MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

    José
    Ramón...

    ResponderExcluir

"O escritor é um homem que mais do que qualquer outro tem dificuldade para escrever."